{O Que Rolou no Encontro de Barbudos – Encontro da Fanpage “Faça Amor, Não Faça a Barba”}

Encontro da fanpage faça amor não faça a barba

Nesse último sábado aconteceu o encontro da fanpage “Faça Amor, Não Faça a Barba” no bar Kabul, no baixo Augusta. Além de reunir a galera barbuda (ou não, rs) pra tomar uma gelada e botar o papo em dia, também foi a entrega dos prêmios do concurso que postamos o resultado e outros sorteios de brindes. A Head & Shoulders doou, além do prêmio do concurso, vários kits pra sorteio (diga-se de passagem, fiquei na cara dura secando os kits. Porque, eu nunca testei, mas falam muito bem das máscaras de hidratação da marca. Mas enfim, rs…), junto com a Mr. Beer Cervejas Especiais, além das marcas Chico Rei, Sympathy, Alparzaks – By Paula Zak.

[O F&C já falou sobre barbudos e algumas curiosidades aqui]

Uma coisa que eu acho incrível dessa fanpage é que rola uma super interação entre a galera que curte e os pessoal da página. A principal responsável por fazer isso acontecer, respondendo mensagem da galera e conversando com todo mundo, é a Maiara Molina – uma fofa! – que também foi uma das principais responsáveis por fazer o evento acontecer. E é esse clima de “tá em casa” que rolou no encontro, muita gente que nunca havia se visto na vida, pareciam ser amigos de infância, rs.

O encontro foi divertidíssimo e bem lotado. Eu particularmente nunca havia ido ao bar, mas é um lugar aconchegante, com luz baixa e músicas bacanas. O bar tem dois andares, mas pra quantidade de gente que foi o bar ficou levemente apertado, mas aí rola um calor humano maior 😉 Só assumo que senti falta de mais mesinhas, mas o atendimento foi bacana e corria loucamente pra conseguir dar conta da galera no bar (e conseguiam!). O Kabul estava cheio de barbudos (e alguns desbarbadinhos também – sem preconceitos, rs) e barbudetes, como a galera da fanfab chama. Todos muito gente boa, receptivos e divertidos. Muita gente bacana reunida, onde mesmo quem foi sozinho fez amizade e já saiu dividindo garrafa de cerveja (um beijo Rafael, rs). Mas ainda assim muitas das pessoas que foram já se conheciam da internet da página e dos grupos de barbudos e fizeram dessa uma ótima oportunidade de trazer pra vida a amizade on-line – e que assim mantenham ;).

Fiquei feliz de ter encontrado por lá uma galeria que esteve presente no encontro de ruivas, até gente que se conheceu no encontro e arrumou um barbudo pra chamar de seu – achei muito digno isso! A Maiara eu também conheci do encontro, por ter nos ajudado a divulgá-lo.

Agora, chega de enrolação e vamos às fotos!

.

Fotografos:
– Thamires Cascales (E-mail: cascales.thami@gmail.comFanpage);

– Nailson Siqueira (E-mail: nailson.siqueira@live.comFanpage);

– Orange Produções/Cleber Santos (E-mail: orange_producoes@mandic.com.brFanpage).

.

E aí, você foi? Se divertiu? Conta pra gente!

.

.

.

F&C - Karol Oliveira I

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

Anúncios

{#CQSAIFPV: Coisas Que Só A Internet Faz Por Você!}

CQSAIFPV I

A Juliane é uma das nossas novas colaboradoras, ela vai falar na tag nova a #CQSAIFPV. Para conhecer um pouco mais sobre ela é só entrar na aba sobre a equipe do blog ;)”

Você já parou pra pensar que a internet é a coisa mais maravilhosa e mais bizarra que temos acesso hoje em dia?
Foi pensando nisso, cara leitora, que surgiu essa nova categoria. Por que a internet, ela mantém essa relação de amor e whata fuck?, esse híbrido entre trágico e cômico (as vezes ambos), e, sinceramente, não sei como nossos ancestrais viveram sem ela, porque tem Coisas Que Só A Internet Faz Por Você.

Aí você me pergunta, ela é tão maravilhosa assim? E eu vos respondo: Sim. Não quero nem entrar no lado acadêmico, no lado business. Quero dizer apenas que se a internet servisse só pra ver vídeos de gatinhos eu já premiaria com o Nobel o seu precursor.

Um exemplo é nossa manifestação constante de nostalgia, o saudoso anos 90’ principalmente. A internet tornou isso um buzz, cruzou as informações de que todos estavam falando sobre um assunto em comum e o que aconteceu? Isso mesmo, voltaram as melhores bandas de pagodes dos anos 90. Porque pagode bom é aquele pagode de raiz, pagode de moleque, pagode rimadinho com pornografia embutida que você só percebeu depois de velho (o violeiro tocando  e se tocando, de olho no xibiu da morena e você nem imaginava o que era isso).

Vou falar pra vocês que eu não sou pagodeira não. Mas sou amante de cultura e, cara, quer maior referência do que esses pagodão que rolava nos churrascos de família? Do que ralar o tchan com a banda que te levou pra conhecer a selva, o Havaí e o Egito?

Há algumas semanas tive o prazer (e me orgulho disso) de ir no show do MOLEJO e, olha, me arrepiei com o grito de ANDREZÃO (mesmo ele não estando mais no grupo). Fui tiete e tirei foto com os caras, subi no palco e tomei cuidado com o cabo da vassoura. Melhor show da minha vida.

Andersão é tão foda que ele toca um cavaquinho autografado por ele mesmo.

Andersão é tão foda que ele toca um cavaquinho autografado por ele mesmo.

Mas o que eu mais amo na internet mesmo é o fato dela conseguir nos surpreender mais e mais e quando você pensa que não, não é possível alguém ser mais bizarro que isso, ela mostra que se tem uma coisa que as pessoas não conhecem é a palavra limite e te presenteia com as coisas mais esquisitas e inimagináveis.

E é aqui, nobre leitora, que você vai encontrar esse coletivo de bizarrice.

Você tá lá navegando, curtindo umas coisas, vendo uns vídeos quando de repente “Tatuador que escrevia palavrões no lugar de símbolos japoneses é preso em São Paulo”.

Whaaaatt??? Um tatuador tailandês, no centro de SP, fazia em seus clientes frases de ódio, palavrões e até mesmo nome de pratos culinários no lugar de símbolos japoneses. Melhor troll ever!

“Adoro memes bazinga” foi tatuada no lugar de “Foco, força e fé”

“Adoro memes bazinga” foi tatuada no lugar de “Foco, força e fé”

 “Sopa de frango e macarrão”  no lugar de “Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”

“Sopa de frango e macarrão” no lugar de “Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”.

Por mais incrível que possa parecer, a internet também tem bad days. Ela massacra alguns assuntos. Por exemplo, voces não agüentam mais ouvir falar da Miley Cyruszação do Justin Bieber, que tenta mudar a imagem de teen para adulto e blábláblá cresci blábláblá vou meu impor blábláblá olha sou rebeldzzzzZZZZZROINC.

Eu cresci e agora sou mulher tenho que encarar com muita fé.

Eu cresci e agora sou mulher tenho que encarar com muita fé.

E ele que tá cada vez mais parecido com a Maria Gadu?

Praticantes de shimabalaiê.

Praticantes de shimabalaiê.

E esses bad Days revoltam algumas pessoas:

.

Tamo junto, Paloma.

Depois dessa prévia do que essa categoria vai trazer pra vocês, vou ficando por aqui porque o texto ficou longo e vocês já devem estar me xingando mentalmente.

Semana que vem eu volto com giros de notícias da internet, ou não né vai saber…

imagem6

Deixo vocês com esse joguinho maravilhoso onde você tem que achar as inimigas ♥

http://findtheinvisiblecow.com/

.

.

.

F&C - Juliane Pimentel

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Música: Música na Medida Certa}

música na medida certa 1

Sim, hoje nós vamos dedicar todo nosso amor e tempo as gordinhas mais simpáticas desse Brasil, que estão se esforçando (assim como eu) para ficarem gostosas para o verão (que já ta quase aí). Então aumente o volume do seu computador, tablet, celular modeeerno que agora nós vamos falar de bagaceira (sim, nós amamos essas músicas a lá Gambiarra que nos fazem cair na pista, soltar o gogó pra cantar e dançar que nem loucas. – digo isso por mim e pela dona Karol Oliveira, viu gente). Acho que já deu pra perceber que vamos conhecer um pouquinho mais sobre Preta Gil e Gaby Amarantos, essa duplinha que estão queimando muitas calorias na terceira edição do Medida Certa do Fantástico.

.

.

Música na Medida Certa

Pretinha (batizada como Preta Maria Gadelha Gil Moreira e filha do grande cantor e compositor Gilberto Gil, informação que todos já sabem ou ao menos deveriam saber e afilhada de Gal Costa) já fez de tudo nessa vida. Cantora, atriz, apresentadora, produtora, musa do carnaval e agora, participante do reality show dos gordinhos da  Globo, ela  (diferentes do que a maioria pensa) nasceu no Rio de Janeiro no dia 08 de agosto de 1974 (leonina, vai ver por isso que gosto dela). Preta fez e faz sucesso graças ao seu bom humor! Além das novelas e programas de televisão, ela já teve 4 discos lançados (e está se preparando para lançar seu quinto álbum), sendo eles: Prêt-à Porter (2003); Preta (2005); Noite Preta ao Vivo (2010) e Sou como Sou (2012). Do primeiro disco eu destaco a música (que pra mim é um hit) “Sinais de Fogo” que vocês podem conferir agora.

.

Preta Gil – Sinais de Fogo:

.

.

Música na Medida Certa

Gabriela Amaral dos Santos, popularmente conhecida como Gaby Amarantos, é a rainha do Tecnobrega (sim, eu sempre pensei que fosse odiar esse tipo de som, mas Gaby me encantou com sua breguice). A também leonina do dia 1º de agosto (já deu pra perceber que os leoninos tem muita estrela né, risos), nasceu em e foi criada em Belém. Assim como Preta, Gaby cresceu com a música. Com 15 anos cantava na paróquia do bairro que nasceu. Em 2002 ela formou a banda Tecno Show, mas foi sozinha que fez grande sucesso com a música “Xirley” (que eu adoro e que me fez conhecer seu trabalho). Mas seu sucesso se popularizou mesmo quando sua música “Ex Mai Love” foi o tema de abertura da novela das 19h Cheias de Charme (2012). Se você não conhece o som dela, vai poder ver o clipe da música que eu mais gosto e me jogo na pixta quando ouço.

.

Gaby Amarantos – Xirley:

.

Agora que você conhece um pouquinho mais dessas duas cantoras gente finas e super carismáticas, vamos torcer para que elas fiquem bem saradas e magrinhas para o verão que vem chegando por aí!

.

.

.

F&C - Ariane Arrabal

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Resultado da Promoção da Fanpage “Faça Amor, Não Faça a Barba”}

A fanpage “Faça Amor, Não Faça a Barba” fará um encontro pros barbudos e admiradores que a seguem. E como forma de dar uma esquentada nas vésperas do evento, com o apoio da Head & Shoulders e a Mr. Beer, criaram um concurso pra escolher o barbudo “favorito”. Onde os concorrentes, através da página, enviavam uma foto (com barba, por favor né, rs) e uma frase dizendo porque a barba é essencial.

Foram selecionados 5 barbudos para serem votados na fanpage. As votações estão rolando desde o começo da semana e hoje sai o resultado =) O primeiro lugar vai ganhar um super kit da Head & Shoulders e Mr. Beer, e do 2º ao 5º ganharão kits da Head & Shoulders.

Depois de uma semana de votação, hoje saiu o resultado:

1º lugar:

1º lugar: Renan Vinicius Filadoro – “A barba é essencial para dar mais estilo e uma autoestima melhor !”

1441328_585695138163189_1930184683_n

2º lugar: Pablo Zanella – ” Aqui o amor transborda e a barba é essencial “

3º lugar: Thiago Fernandes - "Porque só com a barba bem feitinha e cheirosa a gente faz a diferença num bando de loucos!"

3º lugar: Thiago Fernandes – “Porque só com a barba bem feitinha e cheirosa a gente faz a diferença num bando de loucos!”

4º lugar: Rogerio Emilio - "Porque sua barba é essencial: Pra manter a pose de mafioso."

4º lugar: Rogerio Emilio – “Porque sua barba é essencial: Pra manter a pose de mafioso.”

Mauricio Rossini Oltman - "Me preparo para tacklear o adversário, que no rugby consiste em derruba-lo, Sansão tinha sua força no cabelo, eu tenho na barba, meu apelido é Brutus, a barba me da forças para tacklear os adversários no campo de rugby e os problemas no campo da vida!"

Mauricio Rossini Oltman – “Me preparo para tacklear o adversário, que no rugby consiste em derruba-lo, Sansão tinha sua força no cabelo, eu tenho na barba, meu apelido é Brutus, a barba me da forças para tacklear os adversários no campo de rugby e os problemas no campo da vida!”

.

Parabéns a todos que se inscreveram! E a gente se vê amanhã no Encontro 😉

.

O {F&C} já falou um pouco sobre barbudos aqui.

.

F&C - Karol Oliveira I

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Os Barbudos e Algumas Curiosidades}

Encontro de barbudos

Atualmente a barba é uma tendência fortíssima. Seja por uma questão de estilo ou por atrair olhares do público feminino – afinal, hoje em dia, barba é fetiche. Existem barbudos de todos os tipos: os de barba aparada, grande, bigodudos, cavanhaques, barbas com trancinhas… E o que mais a imaginação, e a barba, permitir.

Mas barba é um assunto antigo, os primeiros povos a usarem barba, que se tem registro, foram os gauleses, tanto que por isso os famosos Asterix e Obelix tem um generoso bigode. Já os caldeus e babilônios mantinham suas barbas trançadas, lavando-as com óleo e prensando com a ajuda de um ferro quente (um beijo ta-ta-ta-ta-ta-ta-taravó da chapinha *muack*).

Algumas sociedades antigas, como o egípcios, mantinham a barba como forma de definir os status social, deixando os nobres com o direito de usar a barba e proibindo os sacerdotes. Ainda nos povos antigos, os gregos eram muito conhecidos por suas barbas. Os “famosos” (artistas, pensadores, líderes) mantinham e cultivavam os pelos faciais. Porém depois de alguns confrontos e guerras, acabou entrando em desuso, por argumentarem que os soldados poderiam ser agarrados pela barba, deixando-os em desvantagem. Assim, Alexandre, o Grande, ordenou que todos os seus soldados se desfizessem das suas barbas.

Em épocas mais próximas, mais precisamente na primeira década do século XX, a barba caiu em desuso, coisa que pouco depois também aconteceu com os grandes bigodes. Rosto de bebeê, lisinho e sem pelos, se tornou simbolo de hogiene e beleza. Mas com o movimento hippie, na década de 60, a barba voltou a ser usada.

Na Itália houve uma pesquisa em que mostrava que vendedores barbados eram vistos como mais digno de confiança, e por isso fechavam mais negócios. E a confiabilidade e a barba também valiam para políticos, transmitindo assim mais confiança (mas isso funcionava com barbas aparadas e bem cuidadas, e não pras rebeldes e desgrenhadas). Até porque, no Brasil, a barba foi simbolo da esquerda comunista e do movimento sindical no período da ditadura.

No atual cenário mundial barbas, em algumas situações, também podem ser vistas de forma negativa, afinal elas são facilmente associadas à movimentos religiosos radicais e ao terrorismo.

Existem alguns récordes no Guiness Book relativo aos barbudos, a mais longa barba masculina vive no Canadá e pertence ao indiano Sarwan Singh medindo, nada mais, nada menos que 1,89 metros. Já o maios bigode pertence ao, também indiano, Kalyan Ramju Sain e possuí o inacreditável comprimento de 3,39 metros, ele não apara o bigode desde 1976.

Existe também um concurso, World Beard and Moustache Championships,  onde anualmente são escolhidos os mais belos os mais estranhos bigodes, cavanhaques e barbas do mundo. Neles existem várias categorias de bigodes e barbas. É possível ver mais sobre isso aqui.

E diante do atual sucesso que as barbas fazem existem comunidades e grupos nas redes sociais que falam sobre esse tema. E uma dessas comunidades, a fanpage “Faça Amor, Não Faça a Barba”, organizará neste sábado (23/11/13), aqui em São Paulo, o seu primeiro encontro que pretende reunir vários barbubos e admiradores (admiradora também 😉 ) para conversarem e se conhecerem. O encontro também contará com sorteio de brindes e entrega do prêmio do concurso do “barbudo favorito”.

.

.

Encontro “Faça Amor, não Faça a Barba”
Data: 23/11
Hora: Das 15hrs às 22hrs
Local: Kabul Bar (Rua Pedro Taques, 124, Consolacão/SP)

;.

.

(Fonte: Aqui/Imagem: Reprodução – Caio Thomé)

F&C - Karol Oliveira I

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Em Cartaz: THOR – The Dark World}

Thor - The Dark World

Lambuse seus dedos na manteiga da pipoca e limpe na cadeira da frente, pois hoje é dia de cinema!

Sim, minhas leitoras, preparem-se! Hoje é dia de falar do deus do trovão. Vista sua capa de chuva e cuidado para não ficar toda molhada com nossa resenha de hoje: THOR – O Mundo Sombrio (Thor: The Dark World, 2013).

thor the dark world (28)

Poderia terminar essa resenha dizendo apenas isso: ASSISTA O FILME! Mas como eu sei que ainda não tenho tamanho poder de persuasão imediata, tentarei fazer uma resenha mais rápida que o limite do seu cartão de crédito indo embora em dia de liquidação. Depois, farei uma lista batuta com 10 motivos que fazem do Loki o personagem mais maneiro dos filmes da Marvel.

thor the dark world (26)

Sinceramente, eu fui para o cinema sem expectativa nenhuma. Sabe quando você vê aqueles montes de trailers e materiais de divulgação sobre um filme e pensa: “Hum…. Parece que vai ser uma bela bosta.”. Foi bem essa a minha impressão antes de ver o filme, ainda mais depois de ter me empolgado tanto antes de assistir Iron Man 3 e não ter curtido muito. Já estava achando que a Marvel sofreria da ressaca pós-Vingadores.

Felizmente me enganei. O filme é muito bom.

Sinopse pegada Sessão da Tarde: Malekith, um elfo negro do mal, acorda de um longo sono de beleza após ser derrotado em uma guerra por Bor (pai de Odin) muitos anos atrás.

thor the dark world (2)

Como todo vilão de filme de herói, ele quer apenas tocar fogo no puteiro e, com sede de vingança, dominar todos os mundos em uma era de escuridão, aprontando altas confusões. Cabe a Thor, e uma turminha nórdica do barulho, impedir que esse vil inimigo consiga aprontar poucas e boas que até deus Odin duvida.

O filme mantém um bom ritmo, alternando muito bem entre humor, drama e porradaria. A história se passa bem pouco na Terra, então você verá muitas cenas em Asgard, “planeta” natal do Thor. Os mais nerds sentirão algumas leves referências a Star Wars, Senhor dos Anéis e Portal.

Um bom motivo para as meninas (e alguns meninos) assistirem esse filme: Cena longa, em close do Thor sem camisa.

thor the dark world (17)

Só pra te deixar com vontade

Três bons motivos para os meninos (e algumas meninas) assistirem: Kat Dennings, Natalie Portman e Jaimie Alexander.

thor the dark world (23)

Benzadeus!

Senti falta da SHIELD nesse filme. O mundo pegando fogo, o couro comendo e só o deus de capa vermelha se ferrando pra conter tudo aquilo? Cadê Nick Fury? Cadê Coulson? Cadê Aero-porta-aviões? E precisa de tanta maquiagem assim, Thor?

thor the dark world (19)

Aí você me pergunta: “Mas Caio, eu preciso ter visto os filmes anteriores para entender esse?”

Sim, precisa… Quer dizer, não é tão obrigatório assim, mas você vai ficar meio perdida em alguns pontos. E se não assistiu, por favor, crie vergonha na cara e vá assistir!

É um filme básico, leve, com história simples, muita ação, romance e muitas risadas. E é aí que a Marvel acertou. Pra quê fazer um filme ousado, com roteiro rebuscado e personagens densos se a fórmula vem funcionando tão bem? Afinal, ainda é um filme de super herói. Arrisco a dizer que esse filme, dentre os filmes solos de heróis da Marvel, só não é melhor que o primeiro Iron Man. Comparar com Vingadores é sacanagem. Tá em outra categoria.

DICA: Fiquem até o fim dos créditos. Ou melhor, fiquem até a tela apagar. O filme possui duas cenas extra no final.

thor the dark world (18)

Mas quer saber onde eles acertaram mesmo? Trazendo Tom Hiddleston e seu Loki de volta. O Loki é, sem sombra de dúvidas, o grande astro do filme. Ele domina todas as cenas em que aparece, de uma forma tão incrível que eu estou me segurando para não dar mais detalhes.

E falando em Loki:

10 motivos que fazem do Loki o personagem mais maneiro dos filmes da Marvel

1Loki não precisa de filme solo para brilhar

thor the dark world (25)

2 – Loki não precisa de músculos para as mulheres se derreterem por ele

chris hemsworth shirtless thor

3 – Loki sabe apreciar o que é bom

thor the dark world (24)

4 – Loki tira foto com ele mesmo

thor the dark world (3)

5 – Loki manja dos penteados

thor the dark world (21)

6 – Loki é cachorro

thor the dark world (22)

7 – Loki ensina ao amigão da Vila Sésamo que comer Cookie é bom (If you know what I mean)

thor the dark world (29)

8 – Loki imita velociraptor

9 – Loki se diverte com criancinhas

10 – Loki dança pra cacete!

.

Portanto, obrigue o seu bofe te arranjar um para-raios e espere na chuva até que caia um deus nórdico bonitão no seu colo.

E se não tiver bofe (e principalmente se você não torrar com uma descarga elétrica)… Me liga, sua linda! 😉

Link do IMDB: http://www.imdb.com/title/tt1981115/?ref_=ttfc_fc_tt

Trailer maroto:

.

.

thor the dark world (20)

.

.

.

.

F&C - Caio Botter

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Desvendando Quadrinhos: Y – O Último Homem}

Y - O Último Homem

Meninas, já pensaram em como seria um mundo sem homens?

Y – O Último Homem

Discussões sobre sexismo à parte, apenas imagine o que aconteceria se todos os mamíferos portadores do cromossomo Y morressem no mesmo dia.

Retomando a série de posts sobre quadrinhos, hoje eu vou falar sobre essa ótima HQ que eu aposto que vocês vão gostar: Y – O Último Homem, escrita por Brian K. Vaughan e desenhada por Pia Guerra.

Y – O Último Homem

Mas afinal de contas, não foram absolutamente TODOS os homens que morreram. Misteriosamente, apenas dois machos sobreviveram ao hecatombe masculino. Um deles é o jovem Yorick Brown, um rapaz  de Nova York com seus 20 e poucos anos, nerd e romântico, que tinha acabado de pedir em casamento por telefone a namorada que estava num intercâmbio na Austrália. O outro macho é Ampersand, o seu macaco de estimação.

Y – O Último Homem

Muitos meninos imaturos pensariam rapidamente que Yorick tirou a grande sorte e  agora vive num paraíso. E eles não poderiam estar mais errados. Yorick agora precisa fugir de um grupo de fanáticas que acredita que a morte de todos os homens seja um ato divino, o que torna a existência dele numa aberração.

Y – O Último Homem

Fora isso, a mãe dele, uma congressista, trabalha para reconstruir o governo praticamente à partir do zero, já que a maioria dos cargos oficiais eram ocupados por homens. Enquanto isso, longe dali, o exército de Israel, conhecido por recrutar mulheres em larga escala entre seus combatentes,  acaba se tornando do dia pra noite a maior potencia bélica mundial.

Y – O Último Homem

Em meio disso tudo, Yorick ainda decide cruzar o planeta todo atrás da namorada desaparecida, escoltado por uma agente secreta e uma cientista que acredita ter sido a responsável pela dizimação masculina.

Y – O Último Homem

No caminho, encontra todos os tipos de mulheres: algumas tentam reorganizar suas vidas e suas comunidades, outras assumem o papel masculino que ficou vago na sociedade, algumas choram pelos entes perdidos, mas a maioria segue em frente.

Y – O Último Homem

Enfim, com uma trama dessas, essa acabou sendo uma das HQs mais eletrizantes eu já li. Suspense do começo ao fim. Ah, é verdade! A série tem um começo, meio e fim. Nada de segredos não revelados, finais abertos e aquela enrolação toda. No final você finalmente descobre o que matou os homens e se a humanidade está prestes a entrar em extinção ou não.

Y – O Último Homem

A série toda foi publicada nos EUA em 60 edições pela DC/Vertigo,. No Brasil ela também já foi publicada na íntegra em 10 volumes que não devem ser difíceis de se achar nas livrarias, lojas especializadas e pela internet. Valem a pena, pois cada uma vem num preço bastante acessível.

E você? Se interessou pela HQ? Já leu essa? Então comenta aqui abaixo!

.

.

.

.

F&C - Dimitri Aiello

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{#Top5: Filmes Bons e Trash Para Assistir no Halloween}

Filmes para o Halloween

Ritmooooo é ritmo de festa!!!!

É Dia da Bruxas, minhas leitoras! Época de você tirar do seu guarda-roupas aquela fantasia de bruxa sexy que você usa há uns 5 anos e descobrir que não cabe mais nela pelos litros de sorvete que você tomou no último ano. E como somos brasileiros com muito orgulho de nossa amada pátria tupiniquim, estamos comemorando o Dia do Saci (Pois Halloween é pros posers).

E possuídos pelos espíritos do mal, montamos aqui duas seleções de filmes de terror para você assistir nesse dia tão batuta: uma para você não conseguir dormir à noite e outra para você rir litros das tosquices que nenhuma comédia nos proporcionaria.

Por mais que esteja na tag #Top5, nenhuma das listas está classificada do melhor pro pior, ou vice-versa. Eles só estão simplesmente listados. Todos são tão bons quanto uma Iogurteira Top Therm 😉

Filmes para o Halloween

#Top5 – Bons filmes de Terror que você precisa conferir:

Minha intenção era de tentar dar dicas de alguns filmes que não são tãããão conhecidos e sair um pouco das listas clássicas dos grandes filmes de terror. Mas não dá… Terão muitos filmes aqui que muita gente deve conhecer.

Se você for procurar por aí, vai encontrar facilmente em várias listas O Iluminado, o Exorcista, Poltergeist, Alien, Bebê de Rosemary, Massacre da Serra Elétrica, Psicose, A Bruxa de Blair… São realmente os melhores e mais memoráveis. FATO. Mas vamos tentar algo diferente:

1 – [REC] 1 e [REC] 2 ( [REC], 2007 e [REC] 2, 2009)

Filmes para o Halloween

Uma produção espanhola com a temática de zumbis que realmente impressiona utilizando a técnica handycam. Uma jornalista decide fazer um programa mostrando um dia de trabalho dos bombeiros. Enquanto ela grava a matéria, eles são chamados para uma ocorrência de um ataque violento em um prédio e ela decide acompanha-los. Chegando lá, não se trata de uma ocorrência comum. Recomendo apenas o filme 1 e 2, pois contam a mesma história. NÃO SE ATREVA a assistir o filme 3. É uma merda foda.

2 – V/H/S 1 e 2 (V/H/S, 2012 e V/H/S 2, 2013)

Filmes para o Halloween

Uns baderneiros invadem uma casa “abandonada” e lá encontram uma coleção de fitas VHS. Como todo mundo em filme de terror tem que ser tapado, eles decidem assisti-las.  E o filme é uma compilação de curtas metragens “reais” de terror. Algumas poucas histórias são meio “Bléh”, mas outras são assustadoramente INCRÍVEIS. Assistam o filme 1 e o filme 2. Aposto que irão se impressionar.

3 – O Anticristo (Antichrist, 2009)

Filmes para o Halloween

Já aviso que não é do tipo de terror clássico. Acho que entra mais na categoria “perturbador”, mas vale recomendar. O filme fala sobre a depressão de um casal que, ao perder seu filho, decide se mudar por um tempo para uma casa no meio de uma floresta para tentar superar a perda. Mas, no meio do processo de luto, as coisas mudam totalmente e acontecimentos bizarros te fazem ficar sem reação quando o filme acaba.

Dica: Não assista no domingão com seus pais e seus primos pequenos. Vai ser no míííínimo constrangedor (Se é que você me entende).

 

4 – Extermínio 1 e 2 (28 Days Later, 2002 e 28 Weeks Late, 2007)

Filmes para o Halloween

Filme de zumbi, só que um zumbi diferente. Não se trata de zumbis mortos-vivos, mas zumbis infectados. Nesse filme os zumbis correm, pulam e estão infectados com um tipo de raiva. Ótimo filme de devastação epidêmica e faz The Walking Dead parecer série de criança.

5 – O Enigma do Outro Mundo (The Thing, 1982 e o “Remake” de 2011)

Filmes para o Halloween

Olha, esse entra fácil nos clássicos, mas percebi que muuuuuita gente sequer conhece esse filme ou têm algum preconceito por ser antigo. Tem uns bonecos mecatrônicos meio toscos pros padrões de hoje, mas o clima tenso de isolamento e a sensação de que ninguém é confiável faz desse filme um dos melhores do gênero. Assistam esse filme e procurem a versão de 2011, que foi vendida como um remake, mas trata-se de uma ótima “prequência”.

E agora, a parte mais divertida…

#Top5 – Filmes de “Terror” (Trash) pra se deliciar:

Pra você que tem medo ou não não curte muito um filme assustador, esses agora te farão agonizar… De rir.

Sabe aquele filme de terror que de tão ruim, mas tão ruim, dá a volta no marcador e faz ele ficar bom? Essa lista foi feita pensando justamente nessas pérolas do cinema:

1 – A Volta dos Mortos Vivos – Rave (Return of the Living Dead: Rave to the Grave, 2005)

Filmes para o Halloween

Um filme em que a história principal fala de adolescentes que resolvem fabricar psicotrópicos feitos de suco de zumbi e leva-los para uma rave. Tem tudo pra dar errado. Virou um clássico da escrotidão. Risos garantidos.

2 – Rottweiler (Rottweiler, 2004)

Filmes para o Halloween

Um cachorro zumbi do inferno meio robótico com sede de vingança. É tão ruim, tão ruim, tão ruim que dá a volta e fica bom. DICA: A cena da galinha faz o filme valer à pena.

3 – O Vingador Tóxico (The Toxic Avenger, 1984)

Filmes para o Halloween

E você aí achando que o Batman é um herói maneiro… Herói maneiro mesmo é o Toxic Avenger! Um rapaz magrelo, feio e idiota que trabalhava de faxineiro em uma academia sofre bullying em níveis estratosféricos, cai em um barril de resíduos radioativos e se torna um monstro gigante que protege os desamparados. A voz de lord inglês do monstro vai fazer você amá-lo.

4 – Todo mundo quase morto (Shaun of the Dead, 2004)

Filmes para o Halloween

Tradução do nome do filme ridícula para o mercado nacional, eu sei. Mas esse filme é uma comédia inglesa que tira um sarro dos filmes clássicos de zumbi. Hilário.

5 – A Morte do Demônio (Evil Dead, 1981)

Filmes para o Halloween

Esse é Cult. Todos que assistem Evil dead saem apaixonados pelo Ash, o personagem principal. Típico filme de casa abandonada possuída por um capetão que curte um trollagem violenta. Esse filme tem duas continuações que você pode assistir se gostar do primeiro: Evil Dead II e Army of Darkness. Saiu um remake sério nesse ano, mas perdeu o charme toscão do filme original. Evil Dead é o clássico dos clássicos trash.

BÔNUS: O Segredo da Cabana (The Cabin in the Woods, 2012)

Filmes para o Halloween

Esse filme foi um dos melhores que eu assisti ano passado. Até a metade do filme, é um clichê de filmes de terror tão grande que quase parece um episódio do Scooby-Doo. Mas depois da metade o filme dá uma reviravolta com um duplo twist carpado e vira algo… ÚNICO. Não posso dar mais detalhes para não estragar a experiência.

 

Faltou muita coisa, eu sei, mas é o que tem pra hoje!

 

Então coloque uma abóbora na cabeça do seu bofe e o faça bater de casa em casa pedindo gostosuras para você.

E se não tiver bofe… Me liga, sua linda! 😉

Se tudo isso ainda não foi aterrorizante o suficiente para você, olhe isso:

Filmes para o Halloween

Isso sim dá medo!

..

.

.

F&C - Caio Botter

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Música: Centenário de Vinícius de Moraes}

Vinícius de Moraes

Neste mês de Outubro de 2013 comemora-se o centenário desse incrível e grandioso poeta, que transformava a vida e apresentava poesia de diversas maneiras.

Olha que coisa mais linda, mais cheia de graça
É ela menina que vem e que passa
Num doce balanço, caminho do mar…”

(Vinícius de Moraes / Tom Jobim)

“Garota de Ipanema” é uma das músicas brasileiras mais conhecidas, tocadas e regravadas no mundo todo (até o astro da época, Frank Sinatra cantou os versos de Garota de Ipanema. E sim, ela é mais conhecida do que a música do Michel Teló, que nem se compara à obra e vida de Vinícius). Hino da Bossa Nova, a música que completou 50 anos em 2012 é uma das maiores parcerias de Tom Jobim e Vinícius de Moraes, que se estivesse vivo, completaria em 19 de outubro 100 anos.

Vinícius de Moraes e Frank Sinatra – Garota de Ipanema:

Marcus Vinícius da Cruz de Melo Morais, ou simplesmente, Vinícius de Moraes foi o típico boêmio carioca. Autor de grandes canções, foi no colégio que ele começou sua trajetória compondo versos e poemas. Mas é tão difícil falar de um talento tão grande como Vinícius de Moraes que nem sei por onde começar… Sua trajetória na história da música brasileira é tão vasta e tão concreta, que se eu fosse falar de tudo, esse texto viraria uma resenha.

Vinícius era um homem apaixonado pelas mulheres e um assíduo poeta, não é a toa que ganhou o apelido de Poetinha. Seus poemas viraram lindas canções e se eternizaram. Mas antes de se tornar famoso por elas, Vinícius lançou alguns livros (muitos de poesias), mas foi através da música que seu nome ficou conhecido mundialmente. Além de compositor e cantor, ele foi um grande teatrólogo (Orfeu da Conceição, peça premiada que é de sua autoria), jornalista e diplomata.

Viníciues de Moraes

Foi ele, juntamente com Tom e João Gilberto, um dos responsáveis pelo surgimento, invenção e explosão da Bossa Nova em 1959, que aconteceu graças ao disco de estreia “Chega de Saudade”, de João. Este apresentava composições da dupla (Vinícius e Tom), que se tornou uma das mais importantes da história da música brasileira.

Mas não foi apenas de Bossa Nova que viveu Vinícius. Ele compôs centenas de canções: sambas, afrosambas, froxtrot… Muitas, sozinho. Muitas outras em parcerias. Seus principais parceiros musicais foram:

Antônio Carlos Jobim (Tom Jobim), com quem Vinícius de Moraes foi além de parceiro, grande amigo. Os dois, juntos, foram responsáveis por dezenas de belas canções e sucessos como: “Garota de Ipanema”, “Chega de Saudade”, “Eu sei que vou te amar” e “Água de Beber”.

Vinícius de Moraes

Vinícius de Moraes e Tom Jobim – Água de Beber:

Com Baden Powell, compôs o lindo samba Berimbau. Com Carlos Lyra, a “Marcha da quarta-feira de cinzas” (eternizada na voz da musa da Bossa Nova, Nara Leão) e com Edu Lobo compôs “Arrastão”, canção vencedora do primeiro Festival da Musica Popular da Record. Seu último grande parceiro foi Toquinho, com quem fez os clássicos “Carta ao Tom”, “Regra três” e “Tarde em Itapoã” (uma de minhas preferidas).

Vinícius de Moraes

Vinícius de Moraes e Toquinho – Tarde em Itapuã:

Essas (entre outras várias dele) mudaram a história da música brasileira. E não tinha como não nos lembrarmos desse mestre que cantou o amor, o belo e que levou nossa cultura musical, o nome do Brasil para outro patamar.

Vinícius de Moraes

Você gosta de Vinícius de Moraes? Tem alguma música ou poesia favorita? Conta pra gente!

.

.

.

.

F&C - Ariane Arrabal

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Sessão Pipoca: Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças}

Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças

Tire aquele pote de sorvete de flocos do congelador, prepare os lenços de papel e se enfie nas cobertas, pois hoje é dia de chorar as pitangas das desilusões amorosas!

Sim, minha amiga Feminina & Compulsiva, prepare-se, pois hoje EU VOU LHE FAZER CHORAR! E não pense que será fácil me vencer, pois para isso eu tenho uma arma fulminante que vai entrar feito uma bala nesse seu coraçãozinho de mulher que se acha madura mas que não passa de uma princesinha da Disney.

E a minha arma se chama O Brilho Eterno de Uma Mente sem Lembranças (Eternal Sunshine of the Spotless Mind, 2004)

Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças

Apagar algo da mente, dependendo da circunstância, pode até parecer interessante, não?

Existe algo que você gostaria de apagar totalmente da sua memória? Um trauma de infância, alguma coisa ruim que você tenha feito, um animal de estimação que faleceu, alguma pessoa que te machucou, o último filme do Super Homem?

(Pausa de sofrimento pelo último filme do Super Homem - Super Homem sem cueca por cima da calça não me representa!)

Pausa de sofrimento pelo último filme do Super Homem (Super Homem sem cueca por cima da calça não me representa!)

E uma desilusão amorosa? Todo mundo já passou por uma. Algumas são suaves, mas outras te destroem por dentro e te fazem desidratar de tanto chorar. Imagine-se no calor dos acontecimentos, em que a dor beira o insuportável, em que você não está raciocinando direito, se tivesse a oportunidade… será que você consideraria apagar tudo isso, todos os momentos, toda a dor da sua mente? É pra se pensar.

A história básica do filme é mais ou menos essa: Joel (Jim Carrey), um sujeito retraído, chato, contido, com uma vida que segue uma rotina de merda, certo dia conhece Clementine (Kate Winslet), uma mulher impulsiva, de cabelo colorido, roupas incomuns e tagarela. Ambos são opostos e dessa dissonância nasce um amor intenso e até um pouco cômico.

Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças

Mas nem tudo são flores, as coisas não dão certo e a relação acaba (preste atenção que eu disse “relação” e não “amor”). Como se não bastasse Joel ficar destroçado pelo fim da relação, ele descobre que Clementine se submeteu a um procedimento em que apagava de sua mente todas as lembranças desse relacionamento. Num momento de ira, ele decide procurar o médico que conduziu esse procedimento em Clementine e pede para que também a apague de sua mente.

Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças

Até aí tudo “OK”, se não fosse pelo simples detalhe: Joel se arrepende no meio do procedimento. E o filme é basicamente Joel lutando (dentro de sua própria mente) de todas as maneiras possíveis para manter aquelas lembranças vivas dentro de si.

 Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças

*Não, isso que eu escrevi acima não é spoiler, fique tranqüila. É quase que o plot base do filme.

Incrível ideia não? O filme segue uma linha não linear e você tem que pensar um pouco para entender a ordem das coisas. Não é pra qualquer pessoa. Imprevisível até a última cena. Somado a isso, temos as cenas dentro da mente de Joel que são MARAVILHOSAS, mostrando a complexidade e a maluquice da cabeça de uma pessoa de forma primorosa. (Deixa “A Origem” no chinelo. Sério.)

Não é à toa que o roteirista Charlie Kaufman levou o Oscar de melhor roteiro original por esse filme. Uma coisa divertida é ver a inversão de esteriótipos dos atores: Estávamos acostumados a ver Jim Carrey como aquele comediante louco, escrachado e Kate Winslet como a mina ESCROTA de Titanic que deixa o coitado do Jack na água congelante pra virar picolé de baleia.

Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças

Em Brilho Eterno ambos estão atuando BRILHANTEMENTE em papéis completamente opostos daquilo que vinham fazendo. Pena Kate não ter levado Oscar de melhor atriz naquele ano.

E PASMEM: Sabem quem era cotado para fazer o papel de Joel? O Sr. Nicholas Cage.

Deus é pai!

Deus é pai!

As histórias paralelas à principal são igualmente mágicas, com um elenco coadjuvante incrível: Elijah Wood (depois da relação hétero-duvidosa que teve em O Senhor dos Anéis), Mark Ruffalo (antes de virar um monstro verde), Kirsten Dunst (mais sexy do que sua própria Mary Jane) e Tom Wilkinson.

Já vi muitos filmes serem cultuados, mas Brilho Eterno possui os fãs mais apaixonados de todos. Afinal, não é qualquer filme que consegue ser um drama cômico com toques de ficção científica que te faz chorar feito uma criança no final.

Vou assumir aqui: Choro sempre que assisto. #prontofalei

Não necessariamente pela história do casal, mas porque é impossível não se identificar. Brilho Eterno faz você resgatar todos os momentos marcantes (e muitas vezes traumáticos) de sua vida e te faz pensar: Será que esquecer é o melhor caminho? Será que, no final, os bons momentos não se sobrepõe aos maus momentos? E, como o próprio cartaz do filme diz, é possível apagar alguém da sua mente, mas será que é possível fazer o mesmo com o coração?

Acredito que o trauma, a perda, a dor são coisas que não sabemos lidar direito, mas nos moldam. São peças fundamentais para que a gente reflita e evolua. O coração demora a aceitar que um ciclo se fechou ou que um amor acabou, mas temos sempre que manter as lembranças, pois elas nos mostram que nosso passado foi real.

Feliz é a inocente vestal!

Esquecendo o mundo e sendo por ele esquecida.

Brilho eterno de uma mente sem lembranças

Toda prece é ouvida, toda graça se alcança.”

(Alexander Pope)

 

(Poderia escrever textos e mais textos sobre esse filme, mas isso ficaria gigante.)

DICA: Preste atenção no cabelo da Clementine. Ele não só delimita a personalidade dela como o tempo do filme.

DICA: Preste atenção no cabelo da Clementine. Ele não só delimita a personalidade dela como o tempo do filme.

Portanto assista esse filme, chore horrores e apague seu bofe da cabeça.

E depois que fizer isso… Me liga, sua linda! 😉

Quero ver você apagar essa postagem da memória.

Link do IMDB: http://www.imdb.com/title/tt0338013/?ref_=nv_sr_1

Trailer:

 

.

.

.

.

F&C - Caio Botter

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥