{Desvendando Quadrinhos: Y – O Último Homem}

Y - O Último Homem

Meninas, já pensaram em como seria um mundo sem homens?

Y – O Último Homem

Discussões sobre sexismo à parte, apenas imagine o que aconteceria se todos os mamíferos portadores do cromossomo Y morressem no mesmo dia.

Retomando a série de posts sobre quadrinhos, hoje eu vou falar sobre essa ótima HQ que eu aposto que vocês vão gostar: Y – O Último Homem, escrita por Brian K. Vaughan e desenhada por Pia Guerra.

Y – O Último Homem

Mas afinal de contas, não foram absolutamente TODOS os homens que morreram. Misteriosamente, apenas dois machos sobreviveram ao hecatombe masculino. Um deles é o jovem Yorick Brown, um rapaz  de Nova York com seus 20 e poucos anos, nerd e romântico, que tinha acabado de pedir em casamento por telefone a namorada que estava num intercâmbio na Austrália. O outro macho é Ampersand, o seu macaco de estimação.

Y – O Último Homem

Muitos meninos imaturos pensariam rapidamente que Yorick tirou a grande sorte e  agora vive num paraíso. E eles não poderiam estar mais errados. Yorick agora precisa fugir de um grupo de fanáticas que acredita que a morte de todos os homens seja um ato divino, o que torna a existência dele numa aberração.

Y – O Último Homem

Fora isso, a mãe dele, uma congressista, trabalha para reconstruir o governo praticamente à partir do zero, já que a maioria dos cargos oficiais eram ocupados por homens. Enquanto isso, longe dali, o exército de Israel, conhecido por recrutar mulheres em larga escala entre seus combatentes,  acaba se tornando do dia pra noite a maior potencia bélica mundial.

Y – O Último Homem

Em meio disso tudo, Yorick ainda decide cruzar o planeta todo atrás da namorada desaparecida, escoltado por uma agente secreta e uma cientista que acredita ter sido a responsável pela dizimação masculina.

Y – O Último Homem

No caminho, encontra todos os tipos de mulheres: algumas tentam reorganizar suas vidas e suas comunidades, outras assumem o papel masculino que ficou vago na sociedade, algumas choram pelos entes perdidos, mas a maioria segue em frente.

Y – O Último Homem

Enfim, com uma trama dessas, essa acabou sendo uma das HQs mais eletrizantes eu já li. Suspense do começo ao fim. Ah, é verdade! A série tem um começo, meio e fim. Nada de segredos não revelados, finais abertos e aquela enrolação toda. No final você finalmente descobre o que matou os homens e se a humanidade está prestes a entrar em extinção ou não.

Y – O Último Homem

A série toda foi publicada nos EUA em 60 edições pela DC/Vertigo,. No Brasil ela também já foi publicada na íntegra em 10 volumes que não devem ser difíceis de se achar nas livrarias, lojas especializadas e pela internet. Valem a pena, pois cada uma vem num preço bastante acessível.

E você? Se interessou pela HQ? Já leu essa? Então comenta aqui abaixo!

.

.

.

.

F&C - Dimitri Aiello

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

Anúncios

{Nerdices: Entendedores Entenderão #3}

It's a Trap

Como uma brincadeira, começamos a colocar na Fanpage do F&C algumas imagens e frases com referências nerds e cultura pop, quase como um quiz pra testar seu repertório. Além da Fanpage, as imagens também serão publicadas aqui no Blog.

Agora me conta, você sabe de onde é essa referência?

.

.

.

F&C - Karol Oliveira

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Nerdices: Entendedores Entenderão #2}

The Cake Is a Lie

Como uma brincadeira, começamos a colocar na Fanpage do F&C algumas imagens e frases com referências nerds e cultura pop, quase como um quiz pra testar seu repertório. Além da Fanpage, as imagens também serão publicadas aqui no Blog.

Agora me conta, você sabe de onde é essa referência?

.

.

.

F&C - Karol Oliveira

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Nerdices: Desvendando Quadrinhos – Daytripper}

Desvendando Quadrinhos: DayTripper

Se você acha que quadrinhos são infantis, superficiais ou coisa de nerd, já faz muito tempo que você precisa rever os seus conceitos (especialmente se você considera “coisa de nerd” uma ofensa). Há décadas que o meio vem se provando como uma nova forma de arte séria, tão relevante como o teatro, a música e os seus irmãos mais próximos, o cinema e a literatura. E nessa série de artigos que eu vou publicar aqui eu vou eleger alguns dos quadrinhos que demonstram isso.

Se você está disposta, essa é a oportunidade de se inteirar mais no meio, e conhecer algumas das coisas boas que vem sido publicadas aqui no Brasil. Espero os comentários de vocês!

Daytripper – Por Fábio Moon e Gabriel Bá.

Daytripper – Por Fábio Moon e Gabriel Bá.

Não decidi começar por um quadrinho nacional por acaso: o Brasil está passando uma ótima fase na publicação de quadrinhos, com autores cada vez mais respeitados tanto aqui como lá fora. E Daytripper é um dos maiores exemplos disso, por ter sido primeiro publicada em várias edições nos Estados Unidos e só um ano depois ter saído aqui em volume único, ganhando os principais prêmios internacionais. E a obra merece.

Desvendando Quadrinhos: DayTripper

Ela foi escrita e desenhada pelos gêmeos Fábio Moon e Gabriel Bá, que começaram produzindo quadrinhos de maneira independente nos anos 90 e depois, aos poucos, quase que no boca a boca, se tornaram famosos no meio, por suas histórias repletas de poesia. Uma ótima maneira de conhecê-los é ler a tirinha semanal que eles publicam na Folha de SP e também no blog deles, o 10 Pãezinhos. Também é possível encontrar com algum esforço as coletâneas das primeiras publicações dos dois feitas ainda na época da faculdade. Em todas elas, você encontra um tom de lirismo bem particular da dupla e que em Daytripper atinge seu ápice.

Uma das tirinhas do Quase Nada, que sai todo domingo na Folha de SP.

Uma das tirinhas do Quase Nada, que sai todo domingo na Folha de SP.

A história é sobre a vida de Brás de Oliva Domingos, dividida em vários capítulos, sendo cada um desses capítulos um dia em um período diferente na vida do personagem. Um dia ele é um jovem viajando com o seu melhor amigo pra Bahia, em outro dia ele é uma criança brincando na fazenda dos seus avós, em outro dia ele persegue a mulher que viria a ser a sua futura esposa. Mas e se todos esses dias fossem cada um o último dia de sua vida? A premissa, que pode confundir no começo, se torna mais forte a cada capítulo, a cada dia que conhecemos mais sobre a vida de Brás, e as diversas maneiras em que ela poderia ter acabado.

Desvendando Quadrinhos: DayTripper

No fim, a história é um convite ao leitor à rever cada um dos seus próprios dias. Um convite para se viver e aproveitar as pequenas surpresas que a vida nos dá. Pois não existe vida longa ou curta, já que todas elas duram uma vida inteira.

Desvendando Quadrinhos: DayTripperDesvendando Quadrinhos: DayTripper

Enfim, não preciso nem dizer que essa é um dos meus quadrinhos preferidos e eu não saberia começar essa série de artigos se ele não fosse o primeiro. Recomendo à todo mundo que eu conheço.

Desvendando Quadrinhos: DayTripper

Daytripper foi publicada originalmente pela DC/Vertigo em várias partes e saiu aqui no Brasil em um belo volume único. Se alguma de vocês já leu ou ficou com vontade de ler, conta pra mim nos comentários! Até a próxima! 😉

.

.

.

F&C - Dimitri Aiello

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥

{Nerdices: Referências Nerds e Cultura Pop – Entendedores Entenderão #1}

Guia do Mochileiro das Galaxias

Somos assumidamente nerd isso não é segredo pra ninguém, independente do quanto tratarmos desse tema aqui no Blog. E como uma brincadeira, começamos a colocar na Fanpage do F&C algumas imagens e frases com referências nerds e cultura pop, quase como um quiz pra testar seu repertório. Além da Fanpage, as imagens também serão publicadas aqui no Blog.

Agora me conta, você sabe de onde é essa referência?

.

.

.

.

F&C - Karol Oliveira

Você pode seguir o Feminina & Compulsiva também nas redes sociais:
♥   Facebook   ♥   Instagram   ♥   Pinterest   ♥   YouTube   ♥   Twitter   ♥